Técnicas de laçagem

 

Melhorar a acomodação do calçado

O calçado (d)esportivo é fabricado em série, mas os nossos pés não, então como é possível que um modelo ou dois de sapatos se adaptem a todas as diferentes morfologias de pés?

Na verdade não é possível, para conseguirmos personalizar o calçado ao nosso pé existe um truque muito simples mas eficaz; as diferentes técnicas de laçagem.

Com uma técnica de laçagem podemos adaptar o sapato ao nosso pé conseguindo maximizar assim a eficácia ou rendimento que possamos retirar de um modelo.

Eis aqui alguns dos problemas de acomodação mais frequentes que podem ser resolvidos com uma simples técnica de laçagem alternativa:

 

1-O sapato escorrega no calcanhar (vulgarmente designado por "chinelar")

Técnica de laçagem de apoio

Vantagens:

Evita o "chinelar", adequada para tornozelos estreitos, ajuda a suportar os pés na prática de desportos com movimentos laterais.

2- O pé é demasiado comprido e estreito

Técnica de laçagem de apoio no peito do pé e calcanhar

Vantagens:

Evita que o pé fique a "nadar" no sapato, ajuda para quem tenha o pé muito longo e estreito, reduz o volume no sapato.

3-O peito do pé é demasiado elevado

Técnica de laçagem de volume

Esta técnica permite aumentar o volume da caixa dos dedos acomodando os pés com o peito demasiado elevado (pé cavo).

Vantagens:

Liberta o peito do pé, evita pontos de pressão.

4-Pé largo

Técnica de laçagem de volume

Vantagens:

Evita o "escaldar" ou aquecimento dos pés, oferece maior liberdade para pés largos ou joanetes, permite maior sensibilidade para os futebolistas, permite ao pé funcionar mais próximo ao natural.

"Dia do atacador" no Você na TV (TVI) 06/03/2007

Diferentes técnicas de laçagem apresentadas por Paulo Silva

 

Ficou curioso com o nó mais rápido do mundo?

Neste vídeo pode ver a explicação do também chamado "Ian Knot"

Link para página sobre técnicas de laçagem: www.fieggen.com (o inventor do nó mais rápido do Mundo)

 

Share/Bookmark